quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Carolina

Vulgo Carú!
Minha prima mais próxima. Apesar de 5 anos mais nova que eu, brincamos muito na infância e até saimos juntas na adolecência! Sempre fomos muito unidas.
Hoje, cada uma com sua família e afazeres os encontros não são tão frequentes, infelizmente crecemos. Mas ela ainda é uma menina maravilhosa para quem adoro contar minhas coisas.
Tem dois garotos lindos! Ariel (pré adolecente) e Breno (pré-maternal). Trabalha com o maridão, o Ricardão que também é adóravel apesar do seu tamanho assustador; assustador pq eu só tenho 150 cm e ele deve ter 2 metros de altura.
Quando ela tem um tempinho livre, faz suas artes e aqui vou colocar algumas!

Dois painéis que estão no quarto dela!



E duas caixinha que guarda suas coisinhas! essas caixinhas são ótimas para deixar nossos mimos em ordem né?!



xi Carú, esta foto ficou sem foco! desculpinhas!


A Carú mudou faz pouco tempo e minha mãe saiu encantada com o aconchego do ap.
Eu e a Airy cara de pau, já fomos tirando as sandálias e ficamos bem a vontade. Pena que o Brena estava na escolinha.









CET

Você é ou já viu alguém que vê no trânsito um ¨marronzinho¨ ou ¨amarelinho¨ e pensa ou diz:

-Dei seta?
-Xiii, fiz conversão errada?
-Aqui! aqui! hoje é dia do rodízio desse cara do meu lado! (afinal uma vez por semana vc respeita, todo mundo pode)
-Tomara que ele tenha visto o cara que passou no sinal vermelho agora.
-Ai que pressa! Xiii, vai ficar vermelho. Tem fiscal por perto?
-Olha aí agente! O pedestre fora da faixa, caneta nele também!

Etecetara....Se alguém tiver mais frases, compartilha nos comentários!

No Japão, não sei se as regras são rígidas ou se vai da educação da maioria dos japoneses. Não que todos sejam obedientes, existe sim os infratores mas como são a minoria acabam destacados e na maioria das vezes punidos, então é difícil não seguir as regras no meio de um povo assim, ainda mais eu com cara ocidental seria notada muito rápido, então procurava andar na linha. Notei que como você tem quase certeza que o cara vai obedecer a sinalização, a gente fica mais seguro para dirigir também. Tipo do caso que tenho observado muito aqui em SP: se o cara está diminundo mesmo sem dar seta, quem está atrás tem ¨obrigação¨ de advinhar que ele vai encostar. Lá, eu nunca vi isso.

Quando voltei ao Brasil, tive muito medo. Achava sinalização era inútil, ninguém respeitava nada nem ninguém no trânsito. Logo de cara vindo do aeroporto no carro do pai, por que ele não deixou passagem suficiente, um motoqueiro ficou nervoso e deu um ponta pé no retrovisor lateral! Quase entrei em pânico, grávida de 6 meses na época, minha vontade era de voltar para o aeroporto e pegar o avião de volta para não dar a luz numa selva de brutus.

Fui pegando o carro na redondeza de casa. E com o tempo fui me acostumando. Agora com guia, google maps e um pouco de coragem vou a outros cantos da cidade. Não sou nenhum anjinho ao volante, as vezes também cometo infrações e barbeiragens! E dirigindo sempre percebi que ainda tem muita gente educada, que acredita num trânsito mais organizado.



Voltando a CET.
Ontem estourou meu pneu na rodovia Imigrantes, perto do recinto de exposições. Mesmo já estando no acostamento, estava com medo por que parei perto de uma curva e de uma saída. Enquanto pedia ajuda para meu pai, mais próximo dali e era a segunda vez que trocava pneu na vida, estava insegura. Fui colocar o triângulo. Apareceram dois agentes da CET e um deles muito gentil veio dar uma mão depois de colocar os cones perto do meu triângulo.
O estepe do meu carrinho é daqueles que fica embaixo do carro sabe? Muito ruim de por e tirar.
O cara da CET praticamente fez tudo, nas minhas tentativas de ajudar só sujei as mãos. E esse agente, apesar de parecer bem sério, foi simpático o suficiente para não me deixar mais nervosa e guiar até meu destino. Obrigada! Pena que o nervoso era tanto que me esqueci de olhar o nome no crachá, e podia ter levado uma multa pela pequena estar dormindo no colo da minha mãe e não estar no cadeirão, quem sabe a multa vem depois. Mesmo assim valeu!



Procundo imagem para postar aqui, encontrei esta no Blog da Ecologia Urbana.

domingo, 25 de outubro de 2009

aula de feltro

Eu havia dito anteriormente que estou com mania de feltro, e resolvi dar uma aprimorada nisto com aula!
Foi num sábado de manhã, como a loja fica dentro de um super mercado, meu namorido resolveu cuidar da nossa filhota lá mesmo enquanto tinha aula.
Na foto: de regata rosa prof Luciana Valforte, de camiseta branca Andreza que parecia estar ansiosa por ver seu bichinho terminado pq já estava de olho em outro, de regata verde a Amanda que deixou as encomedas do lindíssimo estojo de EVA de ladinho para uma aula com a gente, e dona Evelym muito simpática que estava caprichando numa galinha que ficou linda!


A aula foi muito boa, eu estava ansiosa e até disse para prof Luciana que não tinha noção de costura, quando ela ver o blog vai descobrir que andei arriscando alinhavadas e que sou sem noção mesmo! kakakakaka!
A professora Luciana na verdade é uma linda menina que se não me engano parece que estuda direito; de artesanato já fez biscuit também.
Gente cada coisinha linda! Vou ficar devendo as fotos dos trabalhos dela....
Só tirei do macaco que tentei fazer
(deculpe a foto ficou sem foco)

e da galinha que a dona Evelym estava usando de molde.


Mas ela deixou eu por aqui o e-mail dela, quem está pensando em comprar peças prontas lembrancinhas e etc, ou até mesmo saber sobre as aulas é este aí: lucianavalforte@ibope.com


Eu estava tão entretida com o macaco e com o que a filhota e o namorido estariam aprontando que parece que as horas passaram em segundos.

Claro que não consegui terminar o lindinho...





Neste mesmo dia passamos a tarde no museo do Ipiranga,
conhecemos Akbar,
na verdade ele foi abandonado e estava em um abrigo para cães quando a atual dona se apaixonou e o adotou.
Agora ele tem 7 anos, e mesmo tendo vivido por anos em abrigo é muito dócil e simpático.
Depois da foto, eles estavam indo para um bar onde já são fregueses e ele tem até o próprio pote de água no bar, enquanto a dona se delicia no chopinho, ele na água.
Neste mesmo dia encontramos outro casal que também adotou uma cachorrinha, mas ela tinha muito medo das pessoas e não quis tirar foto, mesmo sendo muito obediente a seus donos.
É uma pena que pessoas como estas ainda não sejam suficientes para suprir o número de animais abandonados.
Mas as poucas que encontramos, é de encher o coração né?!


Voltando ao feltro,
pensei em esperar a próxima aula, mas não consegui;
depois que a Airy e o namorido dormiram eu fui fazer o lindinho!
E olha que não era só eu que estava ansiosa para conhecer o macaquinho!

Preparando o beijo e........

beijocas....


um videozinho do passeio no museu!
tem um beijão bem gostoso da Airy para quem assistir até o final!


video

domingo, 18 de outubro de 2009

naftalina

Gente, eu quase não me lembro do nome dos seus colegas de escola.
As vezes encontro alguém mas o nome não vem.
Outro dia mesmo encontrei um casal que conheci à uns 5 anos e demorei uma hora para lembrar o nome pelo menos da mulher, isso pq está no orkut....

Meu pai e os amigos da vila, na época em que eram bem jovens,
(época de bondinhos!)
resolveram fazer reencontros...
Lembro que teve um quando eu ainda era criança e de alguns anos para cá passaram a se encontrar novamente.
Como o salão de cabeleireiro do meu pai está na mesma região desde então, o ponto de encontro tem sido lá.
Agora com a internet ajudando, até pessoas que estão morando em outros estados tem participado.
Montaram um blog e através do blog apareceu mais um amigo, além de divulgarem fotos e causos antigos.
Achei muito legal. Hitórias de uma pessoa tão próxima, em outros tempos, contada por outras pessoas. Estou curtindo muito!

O próximo encontro será este mês e resolvi dar uma lembrancinha.
Para lembrar naftalina coloquei chocolatinhos de bolinha (cacau show) dentro de uma caixinha feita em origami para dar um pouco de delicadeza.


Com tantos assuntos para lembrar e colocar em dia,
tenho certeza que nenhum deles irá notar tal delicadeza, sem problemas.
É apenas um sinal de admiração pela amizade e memória de tão longa data.

Se ficaram curiosos podem espiar:
amigos da vila moraes
Quem sabe alguém perto de você também não fez parte desta turma!



mesa

Mamãe tenta e nem sempre sai como planejou,

parece que a filhinha gostou....

ou aceitou?


Crianças cada dia mais sapecas e é delicioso acompanhar isso.

Agora há pouco eu estava bordando e a filhota brincando. As duas em cima da cama e assistiamos tv ao mesmo tempo.
E ela começou: -RABA! RABA!
Meu Deus o que será RABA? E fiquei atenta a ela para descobrir o que seria.
Ela olhou para tv, disse novamente RABA e deu uma coçadinha no queixo e então eu descobri!
Na tv tinha um médico novinho e loiro, de aveltal branco. Tem um fisioterapeuta na clínica que a Airy vai, ele sempre deixa a barba por fazer e toda vez que eles se cumprimentam com beijinhos a Airy coça o queixo por causa da barba e o tal RABA na verdade é Rafael.

Li em algum lugar:

¨Filho é que nem video game,
cada fase que se passa
mais difícil fica.¨

pena que não me lembro nem onde e nem quem escreveu...
se souberem me avisem para por os créditos.


Foi hoje o encontro naftalina do meu pai!
Aiai! Parece que eu estava participando da festa!
Se bobiar estava mais ansiosa que meu pai !
Papai chegou com umas 40 fotos e já ajudei a publicar no blog deles!
Se forem tão ansiosos quanto (creio eu) nós mulheres,
assim que puderem estarão olhando o blog.



Uma e meia da manhã, o soninho bateu! Oyasumi! Boa noite.

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

café da tarde

Eu disse que postaria sobre a minhas primas e tias arteiras e até que enfim consegui algumas fotinhhos.


Casa de vó é tudo de bom né!
Uma ou duas vezes por semana dou uma passadinha na da minha!

Aqui estamos na casa da Vovó Ana, a Bá e a Airy estão xeretando a tia Ednice fazendo caixinhas!
hehehe e eu tirando fotinhos!

Essa é uma das caixinha dela! Eu também adoro bolinhas!

Ai um convite para café da tarde na minha prima Liliane.
Oba! Ainda bem que a fono desmarcou, livres para o cafezinho.
Com chofer e tudo! Ai que chique! O ¨filhinho¨ da Liliane, lindo Renan veio buscar as tias avós e a bisa dele e aproveitei a carona.
Um apartamento super aconchegante, claro que isso começa pelos afitriões.
O café estava delicioso, forte como eu adoro!
Daí a coceira na mão das garotas....


A Liliane foi ensinar uma técnica para a Tia Ednice,
Olha que lindo! Esse a Liliane fez para o natal! Vai sair bazar daqui! Pode esperar!

Faltou a tia Nira com as caixinhas dela também! Mas ainda pego ela para uma fotinho!



Vou deixar aqui um convitinho da Liliane para crianças...
Ganhei um panfleto mas não estou encontrando....desculpe
Neste fim de semana, no sábado dia 17 das 14:00 as 17:00 terá o AÇÃO KIDS na igreja Metodista Renovada. Com música, brincadeiras e sorteios. Fica na Av. Bosque da Saúde,225 próximo ao metro Praça da Árvore.
Acho que desta vez a Airy estará lá!

gastronomia


A Airy (minha filha) ainda é muito pequena..... peninha, vamos esperar por outras!

Já é neste fim de semana! Corram!!!!

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

classificados- vendido

Gente postei ontem mas já vendeu!




A Patricia está vendendo um cortador Olfa.
Pela web dei uma olhada nos preços e achei que está barato!
Se você estava procurando um acho que vale conferir no blog dela:
http://ohmariablog.blogspot.com

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

adivinha o que é!

Ando com mania de feltro, afinal a primavera esta muito chuvosa e aquele friozinho ainda persiste.


Será que você adivinha o que é isto antes que ver a última fotinho?



Não vou fazer muito mistério pq não é nada maravilhoso!



Esse é um sapatinho que fiz para Michelle, filhinha dos meus primos Rosana e Vitor que nasceu no final de setembro! A mãe é brasileira como eu mas a gatinha é japinha como o pai.




Dica para adivinhação: Talvez para minha filha tirar um cochilo......

em dias de sol.......


E este sapatinho verde e preto fiz para o Cadu, filhos do meus primos Glauco e Ana. Que vergonha, ainda não fui ver o Cadu, isso pq moram pertinho da casa da Bisa onde vou pelo menos 2 vezes por semana.
Só faltava não servir mais o sapatinho.....
Pela foto o Cadu é moreninho de cabelos pretos, e o irmão mais velho dele, João Pedro é um loirinho muito sapeca e muito lindo!





Os moldes dos sapatinhos peguei do blog da Eglis
http://pintandoideias.blogspot.com/
Gente achei Pintando Idéias muito aconchegante.
Essa foto peguei dela. Passa lá!



Já adivinhou né?!



Bebês em geral não gostam de muito sol na cara, a Airy já não é tão bebê mas ainda não gosta. Nem consegue dormir com a TV ligada (eu tbém). Em dias que ela faz fisio e fono, a volta é a tardinha, naquele horário que o sol bate de ladinho, e ela bem cansadinha tentava tirar uma sonequinha até chegar em casa. Coloquei toalha, almofada, fralda...... Até que criei vergonha e fiz uma cortininha para ela!

domingo, 11 de outubro de 2009

é sua?

De biscuit.


Pode ser neura minha, mas minha filha não é absolutamente nada parecida comigo.
Claro que sabia disso quando nasceu, todos diziam que era a cara do papai....
Achei que com o tempo,mas o tempo só deixou mais claro que não se parece comigo.

Voltando uma geração....
Eu também não tenho nada da minha mãe.
Pelo menos de boca fechada, as pessoas nos confundem no telefone. Mas aparentemente nada parecidas...
Minha mãe é nissei(segunga geração de imigrantes japoneses), casou com um brasileiro, digamos BAIANO nascido no interior de SP, cuja a cara sou muito parecida.
Eu, avós maternos japoneses e avós paternos nordestinos. Meu namorido, avós maternos e paternos japoneses. Este cruzamento deu em: JAPA LOIRA!
As vezes as pessoas param a gente para conferir a japinha loira.

Minha mãe me acompanha para a maioria dos lugares, e o mais engraçado é aque as pessoas se referem a ela como minha sogra.....
vovó e netinha descendentes de japones, mamãe é brasileira cabelo escuro.
Daí a pergunta:- É sua?
Sempre sai um natural:-É
mas por dentro a resposta é:- Claro que é minha!
Não percebe esse pedacinho da orelha... a unha do indicador....


Para todas as crianças do nosso país!
Que todas tenham um dia muito feliz com a graça de Deus.

E disseram-lhe: Ouves o que estes dizem? E Jesus lhes disse: Sim; nunca lestes: Pela boca dos meninos e das criancinhas de peito tiraste o perfeito louvor?
Mateus 21:16

domingo, 4 de outubro de 2009

benção


Já faz um tempo que fiz este, de biscuit
com um sapinho na ponta para regular o comprimento do cordão.
Gostei tanto que acabou ficando comigo.

Hoje, além do artesanato vou postar sobre outro assunto....

Eis que os filhos são herança do SENHOR, e o fruto do ventre o seu galardão.Salmos 127:3



Eu praticamente nasci dentro de uma igreja evangélica. Escola bíblica, cultos e outras cerimonias faziam parte do meu cotidiano até a adolescencia.
Apesar disso, não sou nenhuma expert na bíblia e fiquei pensando se exite categoria para milagres ou bençãos como pequeno, médio, grande, enorme.....
Acho que depende do ponto de vista.
Quer ver?
Minha filha teve infecções urinárias consecutivas, e isso poderia prejudicar o único rim dela (o outro não funciona), e o nefrologista achou melhor pensar em cirurgia.
Conversando com amigos, e até uma amiga pediu conselho ao seu médico que achou melhor consultar um urologista também.
Então, achei melhor colocar a hipótese da cirurgia em primeiro lugar e antes do urologista marquei um cirurgião pediátrico.
E os pensamentos iam e vinham no cirurgião. Será que não existe um cirugião pediátrico especialista nisto ou naquilo? E veio a consulta, e a doutora foi muito minunciosa na explicação, muito paciente e sensível, e é especialista em urologia pediátrica!
Para quem ler, tá e daí?
Para mim foi mais uma benção. Saí da consulta aliviada.
Não só por não ver uma necessidade de cirurgia a primeira vista, mas pela maneira que ela me explicou e convenceu em cima dos exames já feitos, ainda tem outros exames pela frente, remédios contínuos, a luta ainda continua.
Eu pedi e Ele preparou essa médica.
Mesmo que eu venha tirar mais dúvidas sobre isso com outros médicos,
eu continuarei acretitando que esta consulta foi uma benção.